sexta-feira, 21 de outubro de 2016

Fátima Bezerra critica reforma do ensino médio e PEC do limite de gastos



A senadora Fátima Bezerra (PT-RN) criticou a proposta de emenda à Constituição que impõe teto para os gastos públicos e manifestou a apoio aos estudantes que protestam contra o plano de reforma do ensino médio. Ela prevê o crescimento do movimento de resistência, que já ocupa centenas de escolas, diante das medidas consideradas “autoritárias” do presidente Michel Temer.

- Que essa mobilização democrática, essa resistência cidadã dos estudantes do nosso país possa tocar o coração da maioria do povo brasileiro e que o povo brasileiro se dê conta que o que está em jogo neste exato momento é uma das agendas mais importantes, mais decisivas para qualquer projeto de nação - afirmou a senadora.

Fátima Bezerra apontou o modelo de ensino médio proposto pelo Executivo, a mudança de regras na exploração do petróleo da camada pré-sal e o congelamento nos investimentos públicos como exemplos de “retrocessos inimagináveis” que o governo federal impôs em pouco tempo.

Agência Senado