quarta-feira, 9 de março de 2016

Kelps alerta sobre dificuldades em pesca artesanal no RN



A crise enfrentada pelos trabalhadores que sobrevivem da pesca artesanal foi tema do pronunciamento do deputado Kelps Lima (Solidariedade) na sessão plenária desta terça-feira (8). O deputado disse que a situação é muito grave e alertou para que providências urgentes sejam tomadas, sugerindo ao Governo do RN que seja criado um programa emergencial a fim de dar um suporte financeiro aos pescadores.

“Muitos debate são organizados acerca do homem do campo, mas o pescador artesanal está gravemente afetado pela seca. Essa atividade é uma das mais antigas da humanidade e está arraigada na nossa cultura, passando de pai para filho”, afirmou o parlamentar. Kelps externou sua preocupação com os pescadores do RN e afirmou que, para não passar fome, muitos estão arriscando suas vidas indo exercer a atividade em outros Estados e longe das suas famílias.

O parlamentar criticou a medida do Governo Federal de suspender, através de uma portaria interministerial, o seguro defeso, enquanto realiza um recadastramento de 120 dias. “Isso está sendo uma maldade e causando uma tragédia para quem faz pesca artesanal, pois esse recadastramento poderia ter ficado para depois, mas o Governo está punindo a maioria, que trabalha honestamente”, afirmou o deputado. De acordo com Kelps, há no RN cerca de 16 mil pescadores, organizados em 51 colônias. “A situação é muito grave e precisa de uma providência muito urgente”, afirmou.

Homenagem



O parlamentar fez uma menção especial ao Solidariedade Mulher, pelo Dia Internacional da Mulher. Kelps afirmou que as integrantes realizam um trabalho com as mulheres trabalhadores. “Tenho um orgulho enorme do Solidariedade Mulher, que realiza um excelente trabalho junto às artesãs, doceiras e músicas. Mais do que flores, perfumes ou presentes, é preciso dar o devido valor que as mulheres potiguares e brasileiras merecem”, disse Kelps.

Ft. João Gilberto