sábado, 13 de fevereiro de 2016

Sesed apresenta balanço da Operação “Carnaval Mais Seguro 2016”


A Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) apresentou na manhã desta sexta-feira (12) o balanço da Operação Carnaval 2016, no auditório da governadoria, no Centro Administrativo, em Natal. Durante a coletiva foram apresentados os resultados das ações desenvolvidas pelos órgãos que compõem a pasta (Policia Militar, Policia Civil, Corpo de Bombeiros e Itep) na Região Metropolitana e no interior do estado.

Os dados apresentados foram levantados pela Coordenadoria de Estatísticas e Análises Criminais (COINE) da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) e correspondem ao período das 20h da sexta-feira (5) até às 6h da quarta-feira (10).

Com o planejamento operacional integrado e as ações de policiamento preventivo e ostensivo não foram registrados Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) nas áreas de eventos carnavalescos, nem casos que tenham relação direta ao evento momesco. Diferentemente do ano passado, quando seis crimes violentos letais tiveram ligação com a folia, neste ano as áreas carnavalescas foram consideradas mais seguras, sem nenhum registro de CVLI. A Sesed registrou, neste período, 23 assassinatos, ou seja, cinco a mais do que em 2015 quando aconteceram 18 casos. Do total de CVLIs registrados nove ocorreram na capital.

Além disso, a Sesed identificou uma redução no número de furtos no Rio Grande do Norte. O número foi 17% menor do que o de 2015, quando foram registradas 84 ocorrências, contra 70 deste ano. Também foi registrada uma queda no número de ocorrências de lesões corporais. O número é 19% menor que em 2015, quando apresentou 21 ocorrências. Este ano, foram 17.