sábado, 13 de fevereiro de 2016

Polícia Civil realizou quase 170 flagrantes durante a Operação Carnaval



Durante o período das festas carnavalescas de 2016, a Delegacia Geral da Polícia Civil (Degepol) montou um plano estratégico para combater a ação de criminosos e conseguiu realizar, em todo o Estado, 167 flagrantes de pessoas que são suspeitas de terem praticado os mais diversos crimes. A Operação Carnaval foi efetivada pela Diretoria de Polícia Civil da Grande Natal (DPGRAN) e pela Diretoria de Policiamento do Interior (DPCIN). As atividades da Polícia Judiciária foram desenvolvidas por 488 policiais civis, entre delegados, agentes e escrivães.

Durante os dias de festa, 112 pessoas foram presas em flagrante no interior do Estado e 55 suspeitos foram detidos na Grande Natal. Os presos durante a Operação Carnaval são suspeitos de crimes como tráfico de entorpecentes, furto e roubo, violência doméstica e porte ilegal de arma de fogo. A Polícia Civil ainda realizou a lavratura de 53 Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCO´s), sendo 35 no Interior e 18 na Grande Natal, os quais são relativos a realização de crimes de menor potencial ofensivo.

Todo o trabalho desenvolvido pela Polícia Civil contou com o funcionamento de 20 delegacias em regime de plantão, além do trabalho de delegacias especializadas como a DENARC (Narcóticos), DCA (Exploração sexual de crianças e adolescentes) e DEATUR (Turista).