quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Campeão mundial, paratleta potiguar morre aos 42 anos



Morreu na manhã desta quinta-feira (28) o paratleta potiguar Joseano Felipe, de 42 anos. Campeão mundial, recordista sulamericano de halterofilismo e ex-policial militar, ele estava na fase final da preparação para a disputa dos jogos paraolímpicos do Rio 2016, que acontece em agosto. Segundo a Polícia Militar, o óbito foi causado por um infarto.

Joseano também era policial militar. Em 2010, ele acabou sendo baleado na coluna vertebral durante ação para evitar a fuga de um criminoso em Alcaçuz. Devido a isso, ele se tornou cadeirante e entrou em depressão. Mas, ele começou a fazer hidroginástica e descobriu o halterofilismo.

Atual recordista do sulamericano, com a marca de 206 kg, Joseano está com a vaga praticamente garantida nos jogos Paralímpicos – ele também era um dos favoritos na sua modalidade.

Ao saber da morte do ex-policial, a Polícia Militar emitiu um comunicado lamentando a morte de Joseano. Confira abaixo:


É com grande consternação que a Polícia Militar do Estado do Rio Grande do Norte, vem a público externar seu pesar pela morte do Soldado PM Reformado Joseano Felipe que faleceu na manhã desta quinta-feira (28), após sofrer um infarto em sua residência. A Polícia Militar perde, nesta quinta-feira (28), um policial exemplar, que, enquanto no exercício da atividade policial, defendeu e preservou a ordem pública, mesmo com o risco da própria vida. A Polícia Militar do RN se solidariza com os familiares, membros da corporação e amigos pela perda do Soldado Felipe, exemplo de superação para todos.”

Do Portal No Minuto